Angola
PTENDE

Nota prévia



O site não constitui um conteúdo exaustivo. Apesar de uma extensa pesquisa nos arquivos em Luanda
e Lisboa, ainda não nos foi possivel documentar a história de todas as salas de cinema.

Neste sentido, gostaríamos de solicitar o seu apoio: Ficariamos muito satis-
feitos com informações, comentários, acréscimos e correcções, que possam completar as informações do nosso site.

Assim podemos, gradualmente e em conjunto, construir uma documenta-
ção mais completa sobre a história das salas de cinema em Angola. Por favor, envie suas sugestões para: 

Goethe-Institut Angola, Rua Comandante Kwenha, 272, Caixa Postal: 16644, Luanda, Angola.
info@luanda.goethe.org

Fotos, filmes, bilhetes e outros produtos relacionados com o tema também são muito bem vindos:

O porquê deste projecto



O desenvolvimento das grandes cidades e as mudanças associadas 
ao mesmo, são uma questãode pre-
ocupação global.
Ela tem ocupado o pensamento de variados sectores da sociedade. O Goethe-Institut Angola tem vindo a preocu-
par-se com temáticas como; o passado, o futuro,
o desenvolvimento, o crescimento urbano e os seus os limites. O papel do cidadão e da sociedade, aliados a estas questões como interveniente activo, criativo e transmissor de um património cultural e histórico.

Ao produzir esta página web, o Goethe-Institut Angola quer ressaltar
a importância histórica de um equipa-
mento cultural único em Africa, e dar reconhecimento ao seu valor no des-
envolvimento das urbes africanas. Relembrar as práticas culturais, os costumes sociais que o cinema poten-
cializou, fazem igualmente parte
desta inteção.

Esta obra espera conseguir despertar
a consciência pública sobre um estilo arquitectónico singular e estimular
um discurso sobre as formas antigas
e actuais de urbanidade, visando finalmente, a reflexão sobre as possi-
bilidades, formas e conteúdos futuros.

Miguel Hurst,
Christiane Schulte,
Gabriele Stiller-Kern


imprint